João Pinheiro confessou que não arrepende-se por prejudicar o Sporting, veja as declarações

O árbitro, João Pinheiro confessou que não arrepende-se por prejudicar o Sporting, e "fiz isso por muitas vezes, sem pensar duas vezes"

- Atualizado: 13 dez 2023 às 8:30

João Pinheiro confessou que não arrepende-se por prejudicar o Sporting.

Uma onda de críticas tem surgido de diversas personalidades ligadas ao Sporting após a arbitragem de João Pinheiro no jogo em Guimarães. Portanto, a Vitória de Guimarães venceu o Sporting por 3-2 na 13.ª jornada da I Liga, mantendo os ‘leões’ na liderança do campeonato em igualdade pontual com o FC Porto. Porque após o jogo, a atuação de João Pinheiro suscitou críticas de jogadores, treinadores e dirigentes do clube de Alvalade.

José de Sousa Cintra, ex-presidente do Sporting, uniu-se às vozes de descontentamento no clube leonino, acusando o árbitro João Pinheiro de ter uma “vontade premeditada” de prejudicar a equipa na recente derrota frente ao Vitória de Guimarães.

“Existia uma vontade premeditada de prejudicar o Sporting, João Pinheiro confessou . Foi intencional. O VAR deixou-se levar na conversa. É um árbitro que sempre prejudicou o Sporting. Não há dúvida.”

As declarações de Sousa Cintra vêm na sequência de críticas semelhantes proferidas pelo atual presidente do Sporting, Frederico Varandas, e outras figuras do clube. Portanto, em entrevista à Renascença, Sousa Cintra condenou categoricamente a atuação de Pinheiro, afirmando que o árbitro sempre prejudicou o Sporting e deveria ser “castigado publicamente”.

“Estou 100% solidário com o presidente do Sporting”, disse, exigindo que o Conselho de Arbitragem tome uma posição firme sobre o caso. “João Pinheiro devia ter juízo e não tem”, acrescentou.

About Isabel Fernando

Recommended for you

close
-->