Sarabia pode voltar no Sporting e ganhar salário astronômico

Por:

//

Esta é uma época atípica, ainda nem a meio vamos por causa do Mundial, mas o Sporting tem atraso substancial para o Benfica. É recuperável? “Não sei se temos de pensar se é recuperável. Nós temos de fazer o nosso trabalho, jogo a jogo e depois veremos no fim. Obviamente que está mais difícil que antes, é lógico. Mas temos de fazer a nossa parte e depois veremos se os outros fizeram a deles, temos de nos preocupar com o que podemos fazer.”

O Sporting parece que entrou com uma nova alma depois desta paragem e um dos rivais, o Benfica, já perdeu um jogo e já saiu da Taça da Liga. Pode ser um sinal de crescimento do Sporting? “O problema terá sido que não começamos muito bem a época, perdemos pontos no campeonato e, eu como defesa, sinto que sofremos mais golos do que estávamos habituados nos últimos anos. Mas este grupo trabalhou sempre bem, são coisas que acontecem na vida. Muitas vezes as coisas não acontecem como queremos. Hoje em dia todos os jogos são muito equilibrados, vimos isso no Mundial. Temos de continuar a fazer o nosso trabalho.”

O Sporting pagou as dores de ser um clube de formação, das saídas de jogadores como Matheus Nunes, Palhinha e Sarabia? “Sim, é uma coisa que o míster fala sempre que pode não ser bom por um lado, mas que mantém a equipa ligada porque toda a gente sabe que de um momento para o outro pode ser chamada a jogar. Talvez a mudança de jogadores seja difícil, mas trabalhamos para que cada vez custe menos e viu-se nos últimos jogos que passaram que todos os que estamos aqui podem jogar.”

Se o Sarabia aparecesse aí recebia-o de braços abertos? “Não depende de mim, mas o Pablo fez um ótimo trabalho aqui, foi o goleador da equipa.”

About Sabatian

Sebastian Augusto é editor-chefe do Today News Sport, desde 2020, responsável pela curadoria de conteúdos para Portugal e Brasil. É especialista em no futebol da liga portuguesa. Realizou curso de SEO content e holístico com o jornalista brasileiro Igor Juan, correspondente do Metrópoles em Brasília e CEO do Jornal Correio do Interior.

Leia também